Tag: Craque

Bola de Ouro LigaSP; Prêmio: Melhores do Paulistão Master 2019

Chegou ao fim o 1º Paulistão de Master da LigaSP 2018/2019. Confira números, destaques, Premiações individuais e coletivas. Tudo que rolou na Competição que valoriza a geração que iniciou todo o processo e sucesso do Futsal Amador na cidade de São Paulo. Com base no acompanhamento Técnico da competição a LigaSP publica os Melhores do Paulistão de Master. Veja os premiados;

Estatística LigaSP

Competição: Paulistão LigaSP 2018/2019 – Futsal Master

Foram ao todo 27 jogos disputados.

Foram marcados 94 gols. Média de 3.4 gols por partida

Melhor Ataque: Yankee 44 gols

Melhor Defesa: Yankee 12 gols

Yankee Campeão

Campanha: 9 jogos, 9 Vitórias, 0 Empate, 0 Derrota. Gols Pró: 44. Gols Contra 12.

Fuzuê Vice-Campeão

Campanha: 9 jogos, 5 Vitórias, 1 Empate, 3 Derrota. Gols Pró: 22. Gols Contra 20.  

Bola de Ouro LigaSP

Ficha Técnica:

Craque do Paulistão Master: Lulinha

Equipe: Yankee

Gols: 05  

Chuteira de Ouro LigaSP

Ficha Técnica:

Artilheiro Paulistão Master: Mad

Equipe: Os Intocáveis

Gols: 08  

Luva de Ouro LigaSP

Ficha Técnica:

Melhor Goleiro Paulistão Master: Edú

Equipe: Os Kaya  

 

Chegou ao fim! Paulistão de Futsal Master

Série A formada por grandes times e equilíbrio entre as 4 principais forças, com novidade na fórmula de disputa para uma competição mais justa. Apurar em pontos ganhos a melhor equipe em todos contra todos, em duas fases e em bons Ginásios.

Obrigado Yankee, Fuzuê, Os Intocáveis, Os Kaya e Grau Máximo.

Obrigado Marcelinho, Rapha, Higor, Obam, Sandrão, Lincoln.

Obrigado a todas os jogadores, torcedores, técnicos e auxiliares.

O Futsal Master da Cidade de São Paulo agradece muito pelo trabalho de vocês.

Seleção Paulistão de Futsal Master

Paulistão 2018 – Master (Série A) – Seleção

É campeão!!! Invicto, Lausanne Paulista é Campeão Paulista 2018/2019

É Campeão… É Campeão…

Lausanne Paulista sagrou-se no último domingo (27) Campeão Paulista de Futsal Feminino. Competição organizada pela LigaSP Deportes. No Quadrangular Final encontrou o Incríveis pela frente e em jogo de arrepiar… levou a melhor, venceu por diferença construída na primeira etapa e levantou a Taça.

Dono da melhor campanha na fase inicial da competição e no quadrangular final da competição, o Lausanne Paulista conquista de forma invicta o Paulistão 2018 com todo mérito. Ao todo foram 11 jogos, com 8 vitórias e 3 empates. O Tigre da ZN não sentiu o “gostinho amargo” da derrota na competição.

Para um comparativo, o Incríveis dono da segunda melhor campanha da competição, com 11 jogos, foram 7 vitórias, 2 empates e 2 derrotas. Sem dúvida dois dos grandes times feminino da atualidade.

O jogo:

Lausanne Paulista 2×1 Incríveis

1º Tempo com intensidade de Campeão!

Apesar do ínicio equilibrado, com chances de ambos os lados e, imperou também o nervosismo das equipes, que fez com que ambos estoura-sem cedo limite de faltas. Passado os primeiros momentos, normal de uma decisão, viu-se um jogo até que franco, era ataque de lá e ataque daqui… O Lausanne passou a levar vantagem e controlar melhor a partida. Na metade do primeiro tempo impôs seu ritmo e foi superior no final. Tanto que aos 12´minutos Debinha em uma jogada, pegou rebote para abrir o marcador para o Lausanne. Jogo transcorreu assim até que, já estourado em faltas o Incríveis cometeu uma falta desnecessária, uma vez que o time tava postado em sua quadra e a jogada não levaria grandes riscos… Com tiro livre direto marcado, Tai, Ala do Lausanne, dono de um chute potente, bateu no canto direito para vencer a arqueira Elóy e aumentar a vantagem de sua equipe aos 19´55 de partida.

Reação Incrível, com Drama no último lance!

Se o 1º tempo o Lausanne foi mais efetivo, no 2º o Incríveis reagiu e mostrou uma nova atitude na partida. Não que estivessem jogando mal, mas sim que em uma final e perdendo de 2 gols era necessário uma nova postura. Assim, coincidência ou não, o Lausanne já não apresentava a mesma intensidade da primeira etapa, e o Incríveis passou a tomar iniciativa e criar as melhoras chances da partida. Dentro da área, segunda trave, chute de fora… E o time do Incríveis ia criando e perdendo chances para fazer seu primeiro gol e voltar para jogo de vez. Enquanto isso via o seu adversário explorar contra ataques e perder alguns lances com até superioridade à defesa. E isso foi até o final da partida. Quando tudo apontava Lausanne Campeão veio gol que incendiou jogo. Tarde é bem verdade, o gol foi anotado à 39´05´. Mas o gol de Arianne mesmo assim deu novo e último gás a sua equipe. Assim o Incríveis partiu para o “abafa” e ainda criou uma última chance para empatar. Dramático… Lateral cobrado para Eloy, a gol-linha do Incríveis chutou forte para defesa de Gih (goleira Lausanne) e no rebote, de frente pro gol, Bruna bate seco e a bola passa tirando ‘tinta’ da trave, tirando um último Uhhhhhhhh da torcida do Incríveis.  Levando com toda sua “gente” a esperança do Titulo, pois não havia mais tempo… Que lance para terminar uma das maiores Competição Feminina da entidade.

Na sequencia e com apitou final… Lausanne Paulista Fez a Festa, soltou o grito de Campeão!!!

Foto: LigaSP/Produção: Ivan Téko – “Lausanne Paulista solta o grito de Campeão…”

Zona Mista;

A LigaSP falou com a Campeão e vice Artilheira Mari, do Lausanne Paulista para entender a Final com quem esteve lá dentro. Mari falou ao nosso site sobre a conquista e a dificuldade da Final:

“Acho que fomos melhores em relação a finalização, tivemos algumas oportunidades claras, e conseguimos concluir muito bem. Os Incríveis tiveram algumas chances e não conseguiram concluir com êxito! Sem contar o trabalho excepcional das nossas duas goleiras que fecharam o gol.”

Ainda sobre a Final a Ala comentou a queda de produção da equipe no segundo tempo do jogo final:

“Sim! O cansaço físico e a falta de ritmo prejudicou nossa equipe. Foi bem difícil voltar aos jogos decisivos no início do ano, depois de uma pausa. Foi superação total. Temos um elenco onde uma preenche a dificuldade da outra, e conseguimos seguir assim até o final da partida.”

Por outro lado, falamos também com a melhor goleira e vice-Campeão Eloy, para entender na visão do Atleta como foi a final e de cara ela toca em um tema complicado, perder 2 finais para mesmo adversário:

“Incomoda sim perder duas finais e ainda mais para a mesma equipe, deixa um gosto amargo. Sobre O jogo, ele foi decidido em detalhes, ganhou quem errou menos, infelizmente erramos mais na nossa marcação. time estava nervoso demais, cometeu faltas desnecessárias.”

Eloy na sequencia falou porque, na sua visão, a equipe chega bem as decisões mas não consegue levantar o Troféu de campeão;

“Incríveis precisa “melhorar o nervosismo” da equipe, isso nos atrapalhou demais! Time nervoso não pensa, acaba se tornando individual, onde todo mundo quer resolver a qualquer momento.”

A Atleta por fim diz que no primeiro gol a Arbitra Lucimeire não deu a falta a favor de sua equipe e então no contra-ataque o Lausanne marcou seu gol… Ainda reconhece que apesar disso o time teve todas as chances para se recuperar na partida, criou para isso, especialmente, no segundo tempo;

“Analisei os lances dos gols sofridos, infelizmente no primeiro gol do Lausanne era uma falta a nosso favor, arbitragem não deu e meu time parou a marcação onde saiu 3 contra eu, fiz a primeira defesa porém voltou para a atacante delas que achou uma no segundo pau livre…”

“Segundo gol foi uma sexta falta.. devido ao nervosismo cometemos a 6° falta por imprudência.  Batedora converteu muito bem.
Infelizmente a Lucimeire (Árbitra) na minha opinião foi mal nessa final..  não digo só pelo lance da minha equipe no primeiro gol.. mais ela não se desloca… 
Os parabéns vai para a Yara que deu cartão pra quem tinha que dar.. e segurou o jogo.”

 

Duelo de Gigantes!

Debinha (Lausanne) e Reh (Incríveis) estão em todas as partes do jogo. Elas armam, desarmam, chegam no ataque, arrematam e  fazem gols. Com certeza duas das melhores jogadoras do evento. Com final dessa partida e escolhida mais uma vez pelos Oficiais de arbitragem, Reh foi eleita melhor da final.

Os Melhores da Série A!

Bola de Ouro do Paulistão 2018-2019

4 jogadoras empataram com 2 indicações cada para eleição das melhores da competição. Foram elas: Reh (Incríveis),  Geisa (Lausanne), Cris (C&C)… Como Reh foi indicada como a melhor da final e a partida que vale o Título tem “peso maior”, no desempate, a Fixa e camisa 3 do Incríveis foi eleita a Craque da competição.

Foto: LigaSP/Produção: Ivan Téko – Reh (Incríveis) e Karina Fonseca (Representante LigaSP), na entrega da premiação.

Luva de Ouro

Ou… Luva da volta por cima. No gol, como melhor goleira da competição Elóy (Incríveis) foi eleita a melhor da competição com 4 indicações. A Atleta do Incríveis passou um grande tempo fora das quadras em função de um acidente de Trânsito. Guerreira, superou todas as limitações física para em seu primeiro campeonato, pós lesão, retornar e dar a volta por cima. Exemplo.

Em segundo lugar Ananda (Lausanne) e Paloma (Cantareira) com 2 indicações foram bem avaliadas na competição.

No link Álbum de Destaques | Futsal Feminino o leitor tem acesso ao Álbum por completo.

Foto: LigaSP/Produção: Andrey Fava – Eloy (Incríveis) e Jé (Gesa), Diretor da equipe foi convidado para entrega da premiação.

Artilheira que desequilibra jogos

Ela define jogo. Com 18 gols na competição em 13 jogos, Thaisinha (Tubarão), qual já foi eleita Craque da LigaSP, foi merecidamente artilheira do Paulistão 2018. Em segundo Mari (Lausanne) com 16 gols e em terceiro Geisa (Lausanne) com 13 gols, duas atletas de histórico vencedor e goleador na entidade.

No link Artilharia LigaSP | Futsal Feminino o leitor tem acesso a todos os números das jogadoras.

Bi-Campeãs e invictas!

O Lausanne entra para Hall dos Maiores Campeões da LigaSP. Agora com 2 conquistas. 1 Copão LigaSP e agora 1 Paulistão. E também por ser Campeão Invicto, algo raro dentro da entidade. Time vem escrevendo história nos últimos anos. Com insistência, suor e muito treino, a equipe da Técnica Laura Birches começa a colher frutos. No Paulistão 2018-2019 a equipe não perdeu 1 jogo. Campeão Invicto em 11 partidas.

Parabéns Lausanne Paulista!

Nanda, Debinha, Fe, Britis, Geisa, Gih, Karlinha, Mari, Tai, Thais, Thalita, Laura Birches e Juliana Souza.

Foto: LigaSP/Produção: Andrey Fava – Equipe Lausanne Paulista

Homenagem LigaSP ao Tigre da ZN, Campeão Paulista 2018-2019

 

Premiação LigaSP: Paulistão 2018 – Futsal Feminino

Foto: LigaSP/Produção: Andrey Fava – Capitã Karlinha (Lausanne) levanta a Taça de Campeão Paulista 2018-2019

Foto: LigaSP/Produção: Andrey Fava – Jé (Gesa): Dirigente entrega as medalhas a equipe Campeã, Lausanne Paulista.

Foto: LigaSP/Produção: Andrey Fava – Jé (Gesa): Dirigente entrega as medalhas a equipe Vice-Campeã, Incríveis.

Foto: LigaSP/Produção: Andrey Fava – Capitã e Craque Reh (Incríveis) levanta a Taça de Vice-Campeão Paulista 2018-2019

 

Ficha Técnica:

Paulistão LigaSP/2018-2019

Série A

Futsal Feminino

Fase Decisiva

3ª Fase – Quadrangular Final

3ª rodada – Jogo 6

Ginásios: Clube Lausanne Paulista

Lausanne 2×1 Incríveis

 

Tudo sobre o Paulistão LigaSP, edição 2018, você encontra em: Paulistão 2018 de Futsal

 

Fim do Paulistão 2018-2019 da LigaSP – Futsal Feminino

Foram 49 jogos realizados para apurarmos o Campeão, Lausanne Paulista ficou com caneco. Ao todo foram anotados 312 gols na competição, média de 6,3 gols por partida. A rodada com maior número de gols foi a 4ª com 39 anotados. Série A formada por grandes times e equilíbrio entre as forças e com novidade na fórmula de disputa para uma competição mais justa.

Obrigado Gesa, Fênix, Cantareira, Sinthoresp, Sem Limites, C&C, Tubarão, Incríveis e Lausanne Paulista.

Obrigado Jé, Danilo, Eliane, Gera e Mara, Paula, Thalita, Lauren, Dani e Laura…

Obrigado a todas as jogadoras, torcedores, técnicos e auxiliares.

O Futsal Feminino agradece muito por vocês existirem!

 

E..

Vem ai…

Taça de Prata 2019 – Futsal Feminino